quarta-feira, 1 de maio de 2013

DATAS CACHOEIRANAS  - Primeira quinzena do mês de MAIO
 
Dia 01 - Completam-se neste dia,70 anos em que foram consolidadas as diversas leis do trabalho,com a denominação de CLT. O Brasil era um país rural,ninguém sonhava com a automação industrial,o computador,a internet e as telecomunicações.Infelizmente não existe por parte dos políticos a mínima disposição para que a legislação se adeqúe ao mundo moderno.
FOTO DO ACERVO ERIVALDO BRITO

O dia 1º de maio,no período Vargas,era comemorado em todo o país,conforme podemos ver na foto ao lado em que se reuniram várias pessoas ligadas à educação do município,tendo ao meio o então prefeito João Vieira Lopes e a foto de Getúlio.
 Na foto abaixo,vemos o interior do Cine Teatro Cachoeirano para exibição de um filme com um grupo de alunos e as professoras Ursulina e Dede Onofre,na gestão do prefeito Anarolino Pereira que aparece ao fundo,com terno escuro.
FOTO DO ACERVO DE ERIVALDO BRITO

 Dia 01 1938 - Ao comemorar as Bodas de Prata de sua ordenação sacerdotal,o padre Augusto Cavalcante recebia expressivas homenagens de seus paroquianos da Cachoeira.
A missa solene gratulatória foi  concelebrada pelos padres Amílcar Marques,Francisco Dória,Aurelino Andrade,Florisvaldo Souza e frei Inácio Jong.
Na foto abaixo,no batizado da minha saudosa Luiza Maria (1)de costas,no colo da madrinha,Dulce Teixeira. Aparecem,ainda, seus pais,D.Dylma (2) ,o advogado Luiz Soares (3),suas irmãs,Analiz (4) e Laura(5),e,finalmente,o padre Cavalcante (6)
FOTO DO ACERVO DA FAMÍLIA SOARES

Dia 02 1933 - Chegava do Rio de Janeiro para a sua terra natal,Cachoeira,o  jornalista Manoel Paulo Filho (foto),um dos mais conceituados jornalistas brasileiros,candidato do antigo PSD à Assembléia Constituinte,sendo alvo de expressiva manifestação de apreço dos seus conterrâneos.
Dia 03 1912 - Diante de seleto auditório,era realizada no salão nobre da Câmara de Vereadores uma conferência sobre o beijo,pelo Dr.Altamirando Requião.O ilustre palestrante era membro da Academia Baiana de Letras
Dia 04 1956 - O jornalista Manoel Paulo Filho fazia doação de parte do seu acervo pessoal  para a biblioteca do Ginásio da Cachoeira,atual Colégio Estadual da Cachoeira.
Quando eu estive no Rio a primeira vez,na década de 60,como integrante do grupo original de Os Tincoãs,Manoel Paulo Filho,então diretor de "O Correio da Manhã", o mais influente jornal do país,na época,falou-me a respeito.Fiquei com vergonha de dizer que os livros doados por ele ficaram mofando num vagão da Leste Brasileiro.

Dia 05 1955 -   Depois de uma breve ausência,retornava à praça o Circo Nerino com espetáculos noturnos bem a gosto das populações de  Muritiba,São Félix e Cachoeira.
 O filho de seu Nerino,Róger Avanzi era uma espécie de faz tudo,além de haver sucedido o  seu pai na figura do palhaço Picolino  que aparece ladeado por dois partiners.
Picolino,alem de ter criado um bordão que pegou em toda a Região ("caaachorro!")quando alguém dizia pra ele: "Picolino,eu tenho uma coisa para lhe contar!" ele ficava inquieto,começava a repetir,"diga logo!diga logo! diga logo! diga looooogo!"
Um dos números mais apreciados na acrobacia era a "pirâmide humana"com destaque para um atleta que,devido a sua fala,a patuleia apelidou-o de "Pato Rouco" Ele aparece na foto como base da "pirâmide".Uma força descomunal.
O público se emocionava com as peças teatrais: O céu uniu dois corações","A canção de Bernadete","Sansão e Dalila" e "O Ébrio",dentre outras.
Dia 06 1961 - Assumia a gerência da agência da Caixa Econômica Federal da Cachoeira o sr.Edno Pereira,um esportista que muito ajudou quando da construção do campo de futebol local.
Por falar nisso,no jogo inaugural,foi realizada uma preliminar entre Casados e Solteiros.  Pelo visto Edno não se preparou devidamente pois,aos 10 ou 15 minutos de partida começou a passar mal chegando a vomitar frente à arquibancada de madeira. Retirou-se de campo. Valdir de Gegeu,que também estava jogando,munido de um pedaço de pau,remexeu o vômito e,depois,fazendo cara de surpresa gritou para gargalhada geral: "Feijão puro! Carne que é bom...neca!"
Dia 07 1960 - De propriedade do empresário Geraldo Pedreira,era inaugurada a empresa Rodoviária Vale do Paraguaçu (ROVAPA),fazendo as linhas Conceição da Feira,São Gonçalo dos Campos,Cachoeira e Salvador.
Dia 08 1948 - Disputando a II Olimpíada Operária do Brasil no campo da Graça,em Salvador,a seleção cachoeirana vencia Jequié por  3 x 0. Na partida decisiva,o selecionado perdeu para Salvador na disputa de penaltis.
Dia 09 1907 -  Encontrava-se hospedado na cidade da Cachoeira o capitão Francisco Sales de Carvalho.O referido militar, - acreditem -, estava recrutando voluntários para trabalhar na Polícia Federal. Hoje,hein?!
Dia 10 1891 - No chamado "navio da carreira" seguia para a capital do estado o condenado Antônio de Paula Dias,mais conhecido pela alcunha de "Come Gente". O alvoroço foi muito grande na Cachoeira e em São Félix> Todos queiram conhecer o perigoso assassino de perto.
Dia 11 1951 - Era registrado na cidade mais um caso de poliomelite,a "paralisia infantil". Temendo um surto epidêmico,a direção da Santa Casa de Misericórdia local emitiu um comunicado à Secretaria de Saúde do estado.
Dia 12 1937 - No palco do Cine Teatro Cachoeirano,apresentaram-se em conjunto num belo concerto musical,as filarmônicas Cinco de Março de Muritiba e a Minerva cachoeirana. Nunca mais soube notícias de tal fato.
Dia 13 1957 - Uma nova cheia do Rio Paraguaçu.Como recordação a bela foto da Rua 13 de março onde se vê,ainda de pé,o sobradão onde funcionava o "Armazém de Secos e Molhados"de Lafaiete Almeida.Vejam a semelhança para o prédio onde funciona a "Casa de Jorge Amado",no Pelourinho,em Salvador.
Dia 13 1965 - Na mesma citada rua número 34,era instalado um depósito dos produtos Brhama.
Dia 15 1960 - Os licenciados do antigo Ginásio da Cachoeira promoviam uma festa dançante animada pela orquestra "Porto e seu Conjunto"














Nenhum comentário:

Postar um comentário