sábado, 6 de julho de 2013

Expressões Jurídicas

Já dissemos em postagem anterior que o Direito, como acontece em outras áreas do conhecimento,utiliza-se de uma linguagem própria,até certo ponto estranha aos não operadores do direito.
Tergiversação, ou "patrocínio infiel" por exemplo, é um delito previsto no Código Penal no seu artigo 34,XX. É, na realidade, um crime cometido por um advogado por falta de ética profissional, quando ele atua de forma oculta nas duas partes em litígio, em processos conexos,prejudicando uma delas.
A palavra é oriunda do latim e tem o significado de "voltar contra" (quem o contratou), "voltar as costas".
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário