segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

OPINIÃO
Retrocesso civilizatório
Getúlio Vargas já dizia que "o Rio de Janeiro é o tambor do Brasil", pelos simples fatos de as coisas acontecerem por aqui e terem ressonância em todo o Brasil. Aconteceu por aqui, no bairro do Flamengo, de um garoto menor de idade ser aprisionado a um poste depois de barbaramente espancado pelos autodenominados "justiceiros".  É notório que, quem comete qualquer sorte de delito deve ser punido após julgamento por parte do Estado. É assim que funciona o estado democrático de direito, nada de se fazer justiça pelas próprias mãos.
Quando li e assisti a reportagem, recordei-me de haver lido quando menino (já não sei se ouvi contar lá em casa), de um sujeito acusado de um furto (ladrão de galinha), ter sido amarrado a um poste na Rua da Feira, na minha cidade natal, Cachoeira, na Bahia,o que causou pública indignação ao   jornalista e advogado provisionado Alexandre Alves Maciel Júnior (foto).
Estou plenamente de acordo que existem falhas gritantes na legislação, que existe incompetência policial mas, nada disso justifica o que ocorreu, um enorme retrocesso civilizatório.

Nenhum comentário:

Postar um comentário