sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015




O carnaval da Bahia não foi mais o mesmo, desde que Dodô e Osmar criaram o trio elétrico que o poeta Caetano disse que "só não vai atrás quem já morreu!"
Sendo prefeito da Cachoeira Stênio Henrique de Burgos (1955/58), Didi da Bahiana criou o primeiro trio elétrico cachoeirano que animou o carnaval cachoeirano num palanque fixo em frente ao Bar Cabana do Pai Tomás. Faziam parte do grupo. além do já citado Didi, Zé Roque, filho do violinista João Cândido, Caruso, e, na percussão um barbeiro chamado Chiquinho que trabalhava na tenda de Vardinho.
Presentemente a Cachoeira não festeja mais o carnaval que teve seu início em fevereiro de 1897 e que atraiu muita gente da redondeza, notadamente de Margojipe de Feira de Santana.
O carnaval de 1985, há 30 anos volvidos, LUIZ CALDAS lançava o Fricote, Sarajane cantava o Rio de Leite e Gerônimo o Mensageiro da Alegria. Os foliões dançavam à maneida de Caldas. Surgia o Axé Music.
Luiz Caldas estorou no Brasil depois que se apresentou no Programa do Chacrinha, enquanto DANIELA MERCURY fez um antológico show na Avenida Paulista, em São Paulo, no ano de 1992. O Axé ganhava o Brasil.
E o sucesso não parava de acontecer ano após ano. Surgiram várias músicas e enorme sucesso como O Bicho de Ricardo Chaves, o Olodum com Nossa Gente (avisa lá,avisa lá,avisa lá ô,ô,avisa lá que eu vou) e o estonteante Faraó e o Canto da Cidade que Daniela arrasou.
O aparecimento de NETINHO se deu com a música Beijo na Boca, composição do cachoeirano João Guimarães, filho de Didi da Bahiana.
Beto Jamaica, Harminia do Samba, CARLINHOS BROWN, IVETE SANGALO e CLAUDINHA LEITE repetem a mesma fórmula de sucesso mas, com certeza, a criação do Trepódromo, uma espécie de quarto de motel voador de 15 metros de altura, destinado a galera fazer o vucu-vuco,  dar uma rapidinha que nem galo (só pode durar 15 minutos) será o grande sucesso do carnaval deste ano na Bahia, mesmo porque, folião e foliã que se preze é chegado a uma saliência.
Bom carnaval,galera.

 


   
 


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário