sexta-feira, 24 de abril de 2015

 
Memória
A falecimento de Morenito
Há 37 anos passados, mais precisamente no dia 11 de abril de 1978, falecia no Hospital da Santa Casa da Cachoeira o conhecido e amado esportista Herudilho da Silva Bastos, o Morenito como era carinhosamente chamado.
Ainda jovem, Morenito, assim como outros rapazes da sua cidade natal, Castro Alves, veio trabalhar na Cachoeira. Ele era padeiro, conseguiu uma vaga na Padaria Suíça.
 Sua carreira como jogador no campeonato cachoeirano da década de 40 não foi das mais brilhantes mas, como técnico do Cruzeiro Cachoeirano, conseguiu vários títulos do campeonato sanfelixta e foi bicampeão intermunicipal como técnico da seleção cachoeirana.
Quando da construção do estádio de futebol da Cachoeira, ele muito contribuiu com o seu trabalho pessoal.
Por influência do padre Fernando Carneiro ele foi nomeado para recepcionar turistas na igreja do Carmo. Ele sofria da doença de Chagas contraída quando menino n zona rural da sua terra natal. Ninguém sabia da sua doença e, por isso mesmo, a sua inesperada morte causou um enorme pesar. No estádio da Fonte Nova, em Salvador, fez-se um minuto de silêncio logo que divulgada a notícia.
O sepultamento de Morenito, numa segunda-feira, foi o que reuniu o maior número de pessoas que eu vi em toda a minha vida. Uma verdadeira consagração.




 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário