sexta-feira, 3 de abril de 2015

Que sou eu? 
Não chegou a atuar por nenhum time cachoeirano. Muito pelo contrário, sempre atuou de lado contrário, era adversário sobretudo do Cruzeiro que disputava o campeonato da liga sanfelixta de futebol.
De estilo "meia de contenção", chegava a ser violento porque naqueles tempos o conceito era de que "o futebol é coisa pra homem" estilo ainda hoje empregado pelo meia vascaíno Guiñazu.
Liam no mesmo "receituário" os jogadores Bié (do Cruzeiro) e Pedro Orquestra (Canto de Muritiba).
Vários jogos do Cruzeiro terminaram em pancadaria provocadas por ele, Nicolau e Diquinha pelo lado cachoeirano.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário