sexta-feira, 5 de junho de 2015

A VELHA MARIA FUMAÇA fazia parte do dia a dia de várias gerações, com o seu apito longo e inconfundível, seu cheiro de lenha queimada, vinha serpenteando pela estrada além descendo o Batedor, Três Riachos,chegavas fumegante na estação da Leste.
Vinhas do alto sertão, passarias, depois, por São Félix e rumavas para as Minas Gerais.
Quem não se lembra de como as suas composições eram agredidas à pedradas quando passavas pelo Tomba com destino a Feira de Santana,e, mesmo assim, seguias altaneira?
Velha Maria Fumaça, merecias também, o título de Heroica.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário