sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

 
MEMÓRIA
Desenvale Notícias
Em agosto de 1985, há 30 anos passados, portanto, com a implantação da Assessoria de Comunicação e Informação da Desenvale - Companhia de Desenvolvimento do Vale do Paraguaçu -, desenvolvi um projeto para a implementar um mensário que foi aprovado. A única exigência que fiz foi requisitar a minha esposa, Luiza, então secretária da Construtora Norberto Odebrecht, a fim de auxiliar-me na execução do projeto, pela sua experiência no ramo, e por ser exímia datilógrafa. Fui atendido.
A cada edição do Desenvale Notícias a minha responsabilidade dobrava ao mesmo tempo em que a popularidade nos meio dos funcionários da obra, da "peãozada" e dos escritórios em Santo Amaro, Salvador, etc  também crescia.
A prioridade do mensário, claro, era com a divulgação da obra, seu andamento, os acontecimentos sociais das empresas envolvidas, mas, a Cachoeira tinha lugar de destaque. Demos todo apoio a Seminário que se realizou na Cachoeira e, graças ao jornal, a Desenvale providenciou a restauração do lastro da ponte D;Pedro II que ficou totalmente arruinado depois de uma das enchentes do rio Paraguaçu.
O Desenvale Notícias circulava com mais de três mil exemplares distribuídos gratuitamente. Muitos cachoeiranos o recebiam. Se realizarem uma Gincana, será que alguém ainda guardou algum exemplar?  
Da esquerda para a direita: Foto na Redação. A bem da verdade, quem carregava a publicação nas costas éramos eu e minha saudosa Luiza, sentada à máquina> Os demais apenas figuração. Na foto sequijte, eu apareço ao lado do então diretor Administrativo, Fernando Mota.
Em baixo, na mesma ordem: O presidente da empresa, Ivan Guanais e Paulo Méccia, diretor Técnico, genro do então governador João Durval Carneiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário