sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

ACONTECEU
Dois dos jornais mais importantes do mundo, o LIBÉRATION e o THE WALL STREET JOURNAL fizeram reportagens focalizando o japonês da Federal e informando que a máscara do famoso e agora internacional policial foi a campeã de vendas do carnaval.
Eu procurei na SAARA e não encontrei. Resolvi fazer uma só pra tirar um sarro com os colegas de trabalho mesmo porquê já não brinco carnaval há muitos anos. 

Foi preso em flagrante na cidade de Marcelino Vieira, no Rio Grande do Norte, um sujeito que se dizia "com raiva de Deus, cansado de pedir coisas e não era atendido!" Então ele mandou pedra na porta de vidro do templo evangélico.
Na realidade o débil mental ficou enchendo a cara durante o dia,e,ao chegar em casa se desentendeu com o pai, então saiu para a rua e descontou toda a sua raiva na igreja. Podia ser pior, se ele resolvesse atacar o próprio pai, então quem iria acar com o prejuízo?

E vamos atacar de carnaval:
O troféu babaquice vai para o policial que estava de serviço no bloco Cordão da Bola Preta aqui no Rio. No meio da multidão ele não percebeu que a sua arma calibre 380 havia sido furtada!

Enquanto isso, as musas batem boca para quem usou o menor tapa-sexo no carnaval. Tá tapando alguma coisa, galera, ou eu é que sou maldoso?
 Nos desfiles dos blocos de rue, Agentes da Secretaria Municipal de Ordem Pública multaram 191 mijões, dentre eles, um estrangeiro e 23 mulheres.


 No carnaval da minha Bahia, o que se falou e ganhou espaço na mídia foram as musas Cláudia Leitte e Ivete Sangalo cujos trios arrastram multidões,e,também,o confronto entre camelôs e policiais em frente ao Farol da Barra, o que resultou no atraso da saída dos trios  

No badalado carnaval de Olinda (PE), o grande destaque foram os bonecos de mais de dois metros, sendo os mais aplaudidos o do juiz Sérgio Moro e o japonês da Polícia Federal.

Depois de 14 anos, finalmente acabou o jejum; a Mangueira, com apenas um décimo na frente da segunda colocada, ganhou o campeonato do Grupo Especial com o enredo  "Maria Bethânia, a menina dos olhos de Oyá"
O último título da verde e rosa foi exatamente quando o enredo homenageava o Nordeste, portanto, agora, a baiana de Santo Amaro veio acabar com o sofrimento.

In-cri-vel!!! Um leopardo invadiu a Escola Internacional Vibgyor, em Bangalore, na Índia, e feriu sete pessoas. A batalha para dominar o animal durou quase 10 horas. O vídeo tá bombando na rede.

E ainda sobre animais: em São Francisco do Sul, Santa Catarina, os bombeiros levaram o maior sufoco a fim de resgatar uma cobra conhecida popularmente como Píton Albina. A bicha media mais de quatro metros. Apesar de não ser venenosa,a cobra de tamanho e força descomunais pode oferecer riscos às pessoas.


No estado da Baviera, na Alemanha, dez pessoas morreram e mais cem ficaram feridas em estado grave devido a uma colisão de dois trens.
As autoridades alemãs estão investigando o acidente, sobretudo porque as duas locomotivas estarem na mesma linha.

Dionne Younce (foto), professora safadinha que lecionava educação física na Allen D Nease High School, da Flórida (EUA), foi demitida, tadinha, pelo fato de haver mandado nudes e mensagens de cunho sexual para alguns alunos!
Galera...o que tem de professora fogosa nos "estetes" não é mole!!!
E para encerrar, ainda na seção "proibidão para menores de 18 anos", Phillip e Chioe, jovens apaixonados de Las Vegas, também na ?Corte, foram presos acusados de terem transado (tudo foi filmado), na cabine de uma roda gigante! Conforme sabemos é um grave atentado ao pudor, agora, fale a verdade, deve ser uma experiência excitante, ou não?

MEMÓRIA 




O carnaval mais antigo que me lembro, eu usava calças curtas.A minha "mãe" por afinidade, Guigui, me levou até a casa de um antigo casal amigo da família Soares; Lafaiete Almeida e sua esposa, a doce dona Chiquinha. Eles moravam exatamente no centro da folia, na praça Teixeira de Freitas
A minha memória pula, depois, para os carnavais da Desportiva conforme falei na crônica passada.
Todo carnaval eu revejo, também, a minha Luíza, que me incumbia de acordá-la a fim de assistir o desfile da "sua Portela!" No dia seguinte, durante a apuração o locutor gritando "dez,nota dez!" e ela vibrando ou xingando o jurado que rebaixou a nota em algum quesito da "sua Portela".
Hoje eu não me animo nem mesmo a ir à rua. Assisto, - e veja lá - , "os melhores momentos" mas, de quando em vez, uma melodia não me sai da memória:
Confete, pedacinho colorido de saudade / Aí, ai, ai, ai! / Ao te ver na fantasia que usei / Confete, confesso que chorei..."
 




































 

 

 
  

 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário